Eu disse: Eis que venho, Senhor (Salmo 39/40)

Eu disse: Eis que venho, Senhor,
com prazer faço a vossa vontade!

1. Esperando, esperei no Senhor,
e inclinando-se ouviu meu clamor.
Canto novo ele pôs em meus lábios,
um poema em louvor ao Senhor.

2. Sacrifício e oblação não quisestes,
mas abristes, Senhor, meus ouvidos,
não pedistes ofertas nem vítimas,
holocaustos por nossos pecados.

3. E então eu vos disse: "Eis que venho!"
Sobre mim está escrito no livro:
"Com prazer faço a vossa vontade,
guardo em meu coração vossa lei!"

4. Boas novas de vossa justiça
anunciei numa grande assembleia;
vós sabeis: não fechei os meus lábios!

Nenhum comentário:

Postar um comentário