Desde a eternidade o amor fecundo de meu Pai

Letra: José Thomaz Filho | Música: Frei Fabreti

Desde a eternidade o amor fecundo de meu Pai
belo paraíso para todos quis criar.
Vinde meus irmãos, dou-vos minha paz!
O Reino de Deus vamos semear!

1. Tudo preparado, faltava o melhor:
"Homens e mulheres aqui vivereis.
Tudo é vosso, vinde ver!"
Meu Pai só quer que vida preserveis.

2. Mas a liberdade não pode faltar,
quando o compromisso é viver pleno amor.
Mesmo quando o mal se impõe,
meu Pai sustenta a vida com vigor.

3. Deus ouviu do céu, o seu povo, o clamor.
Hoje estou convosco preciso cumprir
a vontade do meu Pai:
não vim pra ser servido, mas servir.

4. Vim servir à vida presente de Deus:
paz e liberdade e justiça e perdão,
Novo Reino entre as nações,
fazer dos povos todos, mundo irmão!

Áudio

Nenhum comentário:

Postar um comentário